lai

Acesso Rápido

O que você precisa?

Telefones Úteis

voltar imprimir
Aumentar texto Diminuir texto
Gás Natural Comercial e Residencial PDF 
Qua, 13 de Setembro de 2017 00:00

 

Gás Natural e Gás de Cozinha (Botijão) são a mesma coisa?

 

Não, suas composições são bem diferentes. O gás de botijão (GLP, ou Gás Liquefeito de Petróleo), composto basicamente por propano e butano, é altamente tóxico e inflamável. Já o gás natural é composto principalmente por metano que, além de ser mais leve que o ar ( o que faz com que se dissipe em rapidamente em caso de vazamento ), não é tóxico.

 

Como saber quanto o cliente consumiu e como pode ser feito o pagamento?

 

As aferições de consumo do gás natural são feitas por meio de um medidor de gás, semelhante a um medidor de eletricidade, que fica em cada residência ou estabelecimento. Uma vez ao mês, representantes da CEGÁS fazem a leitura do consumo, gerando um boleto de cobrança bancária e nota fiscal com os dados de consumo de gás, os quais são encaminhados ao consumidor através do correio ou diretamente pela CEGÁS .

 

Como o Gás Natural chega às residências?


O gás natural chega de forma canalizada, através da rede de distribuição da CEGÁS .

 

O Gás Natural pode acabar na hora do banho ou na hora de cozinhar?

 

Como seu fornecimento é contínuo e através de canalizações, o consumidor não sofre interrupções de fornecimento e nem passa por situações de insegurança por vazamento de gás já que é inexistente a troca de botijão.

 

O que as tubulações de Gás Natural evitam, além da troca contínua de botijões?

 

As tubulações evitam o transporte de pesados botijões com alta pressão, que percorrem ruas e estradas em caminhões, carros, motos e bicicletas.

O Gás Natural colabora, dessa forma, para aumentar a segurança, proporcionando a redução das taxas de seguro patrimonial (residencial).


Onde uso o GLP posso utilizar o Gás Natural?


Todos os equipamentos que utilizam o GLP podem utilizar o gás natural.

O Gás Natural pode ser utilizado ainda como combustível em automóveis e em co-geração (geração de energia elétrica), alternativas não disponibilizadas pelo GLP.

 

Qual é a diferença de custo entre o GLP para o Gás Natural?

 

Em geral o GN é em torno de 30% mais barato que o GLP.

 

O que é uma instalação para o Gás Natural Residencial?

 

No consumidor é normalmente composta de: um CRM (Conjunto de Regulagem e Medição), tubulação primária ligando o CRM ao medidor individual ou válvula redutora, tubulação secundária até o ponto de consumo e interligações com o equipamento.

Estas devem estar de acordo com as normas técnicas da ABNT.

 

Quais equipamentos de uma casa que podem utilizar o gás natural?

 

Qualquer equipamento que necessite de combustível e seja utilizado para gerar calor, pode utilizar Gás Natural Residencial. Ex. Fogão, aquecedor de água, lareira, churrasqueira, calefação, máquina de lavar roupas, secadora de roupas etc.


Um equipamento como um aquecedor de passagem, perde algum rendimento quando se converte para o gás natural?

 

É justamente isto que o processo de conversão garante; a manutenção da potência do equipamento. Logo, não há perda de rendimento quando realizada a conversão.

Instalação inadequada é que causa queda de rendimento e riscos de acidentes.

 

Qualquer residência, condomínio ou estabelecimento pode receber o Gás Natural? Se não, quais são as restrições?

 

Geralmente sim. Vai depender de disponibilidade de rede, de avaliação técnico-comercial e dos custos envolvidos. Edificações residenciais verticais (prédios) normalmente viabilizam economicamente o investimento inicial.

 

• O edifício deverá ter no mínimo 4 pavimentos.

 

• Deverá ter no mínimo 08 Unidades Habitacionais.

 

• Deverá possuir central de gás ou rede interna de distribuição projetada.

 

Quais as vantagens da conversão para o Gás Natural Residencial?

 

• Menor custo operacional;

 

• Redução nos custos com manutenção;

 

• Maior segurança e assistência 24h por dia;

 

• Ecologicamente correto;

 

• Pagamento mensal;

 

• Sua tarifa beneficia os clientes que possuem um maior consumo;

 

• Não necessita de espaço para armazenamento, aumentando a área útil do ambiente;

 

• Comodidade, uma vez que o gás natural chega ininterruptamente ao consumidor, dispensando qualquer preocupação quanto ao fornecimento ou estoque;


• Fornecimento contínuo, gerando maior comunidade e não requer reabastecimento.

 

Uma vez assinando contrato com a CEGÁS, terei alguma obrigação de vínculo ou penalidade por rescisão?

 

Não. Os contratos de fornecimento da CEGÁS são de adesão.

O cliente poderá rescindir o contrato a qualquer hora e sem nenhum ônus.

Caso o condomínio tenha interesse em voltar a consumir GLP ele poderá fazê-lo.

Nesse caso, a cliente deverá somente realizar a reconversão dos equipamentos para uso do GLP.

 

 

 

 

Serviços

Agenda - Setembro 2018

Do Se Te Qu Qu Se Sa
26 27 28 29 30 31 1
2 3 4 5 6 7 8
9 10 11 12 13 14 15
16 17 18 19 20 21 22
23 24 25 26 27 28 29
30 1 2 3 4 5 6

Companhia de Gás do Estado do Ceará - Av. Washington Soares, 6475, Bairro José de Alencar; CEP. 60.830-005; Fortaleza-CE Brasil. Ver visualização no mapa

Fone: (85) 3266.6900, Call Center:0800 2800.069

Horário de Atendimento 8:00 às 12:00 e 13h às 17:00

© 2018 - Governo do Estado do Ceará. Todos os direitos reservados.